MÉTODO DE CUSTEIO TRADICIONAL VERSUS MÉTODO DA UNIDADE DE ESFORÇO DE PRODUÇÃO (UEP): UM ESTUDO DE CASO EM UMA INDÚSTRIA MULTIPRODUTORA DO SEGMENTO METALMECÂNICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47179/abcustos.v16i2.602

Palavras-chave:

Sistemas de Custeio. Métodos de Custeio. Método da Unidade de Esforço de Produção (UEP). Tomada de Decisão Gerencial.

Resumo

Diante do cenário global de competitividade que o mercado apresenta não é surpresa que, para manterem-se na disputa, as organizações precisem alinhar seus processos internos de maneira estratégica. Neste contexto, apesar de nem sempre receber a devida importância, um sistema de custeio aprimorado e voltado à tomada de decisão gerencial, através de seus princípios e métodos, apresenta-se como um diferencial. As metodologias de custeio tradicionalmente adotadas tendem a não atender satisfatoriamente as necessidades das empresas nesta esfera, principalmente as multiprodutoras. Tem-se, a partir de então, como objetivo avaliar o resultado da aplicação do método da UEP frente à utilização do método dos CC, a fim de propor um método de custeio mais apropriado ao processo de transformação de uma indústria multiprodutora do segmento metalmecânico. O estudo é limitado ao processo de usinagem da empresa, utilizando-se da aplicação de um projeto-piloto, sendo conduzido pela metodologia de estudo de caso. Como resultado apresentam-se a aplicação do método da Unidade de Esforço de Produção (UEP) e a análise comparativa entre os resultados obtidos por tal aplicação versus os resultados apresentados pelo método tradicional dos Centros de Custos (CC). Por fim, verifica-se que o método utilizado atualmente pela empresa – método dos CC - não apresenta condições de acurácia quanto ao custeio final unitário dos produtos fabricados pela empresa. No entanto, o método da UEP apresenta-se como uma alternativa interessante para o caso, abrindo campo para pesquisas futuras.

Biografia do Autor

Maíra Vieira da Silva, Centro Universitário Ritter dos Reis (UniRitter)

Engenharia de Produção pelo Centro Universitário Ritter dos Reis - UniRitter
Analista de Planejamento Financeiro na empresa Supply Chain/SP

Ricardo Gonçalves de Faria Corrêa, Universidade Federal do Rio Grande (FURG)

Doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS
Professor na Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Downloads

Publicado

2021-08-31

Edição

Seção

Artigos e resenhas